Em Abril, Economia Criativa será a principal pauta de Cubatão

 

 

Entre 24 de abril e 1º de maio a Economia Criativa será a principal pauta de Cubatão. Nesse período acontece o 3º Vara Para Pescar Oportunidades, festival com o objetivo de difundir e fomentar o segmento, além de oferecer ações de formação para o empreendedorismo e competências criativas. Serão mais de 30 workshops e palestras gratuitos no Parque Anilinas.

 

Para a abertura, palestra ministrada por, Ana Carla Fonseca. A organização é da Vara Para Pescar – Incubadora Criativa de Projetos, tem patrocínio da Petrobras e apoio da Prefeitura Municipal de Cubatão.

 

A programação se divide em ações de três linhas: fomento, difusão e formação.

Em cada uma destas três linhas, haverá pelo menos uma ação de cada um dos seis Setores Criativos Nucleares da Economia Criativa: são eles Livros e Periódicos, Audiovisual e Mídias Interativas, Artes Visuais e Artesanato, Espetáculos e Celebrações, Design e Serviços Criativos, Patrimônio Natural e Cultural.

 

“As ações de fomento são a “prestação de contas” dos projetos incubados pela Incubadora Criativa de Projetos, do Vara Para Pescar, que também alcançam os seis setores. As de formação contemplam os seis setores, mas também englobarão formação para empreendedorismo e formação para competências criativas. Jás as ações de difusão, como nas outras linhas, são uma maneira de difundirmos e tornarmos um pouco mais conhecidos os profissionais da Economia Criativa da região”, explica Vivi Távora, criadora e coordenadora do Vara Para Pescar.

 

“Buscamos despertar, de uma vez por todas, sociedade civil e poder público, para o potencial que Cubatão tem de se tornar uma Cidade Criativa e voltar a se desenvolver”, ressalta a produtora cultural.

 

Entre as atrações do evento, estão a Feira do Livro, workshops “Estilo Para Mulheres Plus Size”, “Como Publicar Seu Livro”, “Passos Para Organização de Eventos”, “Assessoria de Imprensa Para Artistas e Bandas”, lançamento da revista “Cubatão Criativo”, oficinas de documentário, móveis de papelão, criação de oportunidades, maquiagem artística e muitas outras opções.

 

Sobre Ana Carla Fonseca:

 

Profissional de referência em economia criativa, cidades criativas, negócios e desenvolvimento, é Administradora Pública pela Fundação Getulio Vargas, onde se graduou aos 20 anos de idade; Economista, Mestre com distinção e louvor em Administração e Doutora em Urbanismo pela Universidade de São Paulo (primeira tese brasileira sobre Cidades Criativas); tem MBA pela Fundação Dom Cabral. É professora e coordenadora de cursos de pós-graduação em economia, cultura e cidades na Fundação Getulio Vargas/SP, na Universidade Candido Mendes/RJ e na Universidad Nacional de Córdoba (Argentina) e professora da Universidad Rey Juan Carlos (Espanha) e de centros de conhecimento, como a Casa do Saber e o Cultura e Mercado.

 

 

 

Sobre a incubadora:

Vara Para Pescar – Incubadora Criativa de Projetos, patrocinada pela Petrobras, é uma continuidade do projeto Vara Para Pescar – Escola de Produtores Culturais, também patrocinado pelaPetrobras por intermédio do Programa Petrobras Integração Comunidade, que visa a sustentabilidade dos resultados conquistados naquele projeto.

Consiste em uma série de atividades que consolidarão os resultados obtidos pelos alunos da Escola de Produtores Culturais (projeto patrocinado pelo IPC), durante os dois anos de formação (maio de 2013 a abril de 2015).

Em seus dois primeiros anos de atuação, nove projetos foram incubados. Cada um deles conta com apoio da instituição e seus profissionais nas seguintes áreas: assessoria de imprensa, supervisão do projeto, consultoria especializada em gestão, uso das salas de aula da incubadora, equipamentos de audiovisual para registro das atividades, laboratório de informática e biblioteca.

Maiores informações:

http://varaparapescar.com.br/

https://www.facebook.com/VaraParaPescar

3 thoughts on “Em Abril, Economia Criativa será a principal pauta de Cubatão”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *